Aguarde...

Renovação de Matrícula 2020 14 de nov de 2019 11:38:53


Portal do Estudante de Graduação: www.uel.br/portaldoestudante

Abordagens sobre Infecções Sexualmente Transmissíveis, HIV e Hepatites Virais 1 de nov de 2019 16:14:49



Atendimento ao Público PROGRAD 31 de out de 2019 16:28:47


Segunda, Terça, Quarta, Quinta e Sexta:
8h às 11h30 e 14h às 17h30

Canais de Atendimento:

Formandos de oito cursos de graduação colam grau em solenidade 30 de out de 2019 08:35:26


Colação de grau na Sala dos Conselhos

Agência UEL - 29/10/2019


O total de 13 novos profissionais de oito cursos de graduação colaram grau nesta terça-feira (29), em cerimônia especial realizada na Sala dos Conselhos. A solenidade foi presidida pelo reitor em exercício, Paulo Meletti, diretor do Centro de Ciências Biológicas (CCB). Eles são de oito cursos de graduação - Administração, Ciências Biológicas, Ciências Contábeis, Ciências Econômicas, Ciências Sociais, Direito, História e Psicologia.

A solenidade, que reuniu familiares e amigos dos formandos, contou ainda com a participação da pró-reitora de Graduação, Marta Regina Gimenez Favaro, da diretora do Centro de Estudos Sociais e Aplicados (CESA), Tânia Lobo Muniz, e da vice-diretora do Centro de Letras e Ciências Humanas (CCH), Ana Heloisa Molina.

Confira mais FOTOS da solenidade de colação de grau:
https://drive.google.com/drive/folders/1-zHFrudsrJMF8xADde1XF8rLRCqC1YMI?usp=sharing

Pró-Ensino apresenta empresas juniores e Programas de Educação Tutorial 25 de out de 2019 10:04:04


Palestra apresenta ações e atividades das empresas juniores

Agência UEL - 24/10/2019


O 1º Pró-Ensino: Mostra Anual de Atividades de Ensino teve início nesta quinta-feira (24), com atividades em salas de aulas e no estacionamento do Centro de Letras Ciências Humanas (CCH). As ações são realizadas nos períodos matutino, vespertino e noturno. O evento faz parte da programação do 1º Encontro Integrado da UEL (1º EI-UEL), que engloba ações relacionadas ao tripé ensino, pesquisa e extensão.

Organizado pela Pró-reitoria de Graduação (PROGRAD), o Pró-Ensino conta com 361 participantes e 218 trabalhos de projetos de ensino para serem apresentados. As apresentações foram realizadas pela manhã e seguem durante o dia em salas de aula do CCH.

Em outra sala, a professora Gisele Franco dos Santos, do Departamento de Estudos do Movimento Humano, disponibiliza aos estudantes jogos de tabuleiros antigos, alguns deles com mais de sete mil anos de criação. Entre eles estão o Yoté, Mancala, Fanorana, Senet, Gamão e Jogo Real de Ur. A professora explica que os jogos fazem parte do projeto de extensão "ABC do jogo", que tem como objetivo o ensino e a aprendizagem por meio dos jogos.

Projeto de Extensão ABC do Jogo incentiva a aprendizagem por meio dos jogos

As empresas juniores dos cursos de graduação, também vinculadas à Prograd, marcam presença no Pró-Ensino. As estudantes Giovana Montanari e Luiza Munhoz ministraram pela manhã, no Anfiteatro do CCH, a conferência "O Movimento Empresa Júnior (MEJ)". Elas explicaram que o MEJ é o maior movimento de empreendedorismo de jovens do mundo e destacaram o impacto e relevância das empresas juniores da UEL. As estudantes lembraram também que a Business Consultoria, do curso de Administração, foi a primeira empresa júnior da região Sul, criada em 1990.

"A empresa júnior é formada exclusivamente por estudantes. Eles realizam projetos e adquirem experiência profissional antes de entrar no mercado de trabalho", define Luiza Munhoz. Para os alunos que não puderam comparecer no período da manhã, a palestra será ministrada às 19h30. As empresas também têm espaço para divulgar os serviços realizados em estandes montados no estacionamento do CCH.

Em outro estande, também no estacionamento, estão os estudantes integrantes do Programa de Educação Tutoria (PET) de Educação Física, com coordenação do professor Victor Okazaki, do Centro de Educação Física e Esporte (CEFE). Eles apresentam durante esta quinta-feira a Mostra de Experimentos - testes motores, físicos e cognitivos relacionados à área de Educação Física.

Apresentação de trabalho no CCH

Programação - No período noturno, a programação do 1º Pró-Ensino conta com a palestra "Interculturalizar a educação superior: desafios, inovações e perspectivas", ministrada pela professora Adir Casaro Nascimento, da Universidade Católica Dom Bosco, de Campo Grande. A atividade tem início às 19h30, no Anfiteatro do Centro de Estudos Sociais Aplicados (CESA).

No mesmo horário, no estacionamento do CCH, será realizado o Luau com o GEDAL, do Grupo de Estudo e Divulgação de Astronomia de Londrina (GEDAL). A atividade é coordenada pelo professor Marcello Costa, do Departamento de Física, responsável pelo PET de Física. A programação completa está disponível no endereço do Pró-Ensino .

Integrado - Estudantes de graduação e pós-graduação participam até sexta-feira (25) do 1º Encontro Integrado da UEL (1º EI-UEL). O objetivo é divulgar atividades, projetos e programas acadêmicos de ensino, pesquisa e extensão. Além do Pró-Ensino, o Integrado conta ainda com o 28º EAIC - Encontro Anual de Iniciação Científica, o 2º Encontro Anual de Extensão Universitária e o 8º Simpósio de Extensão da UEL "POR EXTENSO".

Integrado muda rotina de atividades acadêmicas em Centros de Estudos 25 de out de 2019 09:56:29


Apresentações mobilizam estudantes dos cursos de graduação

Agência UEL - 24/10/2019

O Centro de Letras Ciências Humanas (CCH) da UEL viveu um dia diferente nesta quinta-feira (24) com apresentações de mais de 218 trabalhos de autoria de mais de 360 estudantes de graduação, inscritos para o 1º Pró-Ensino: Mostra Anual de Atividades de Ensino, que faz parte da programação oficial do 1º Encontro Integrado da UEL, que teve início nesta quarta-feira e prossegue até amanhã, sexta-feira (25), no Campus Universitário.

Entre os temas que foram apresentados estão Experiências na Educação Infantil, Brincadeiras na Primeira Infância, Formação Intercultural e outros relacionados à pesquisa pedagógica. Além das apresentações, os estudantes puderam participar de mais de 40 oficinas sobre várias áreas do conhecimento. Projetos desenvolvidos na UEL também foram tema dessas oficinas, despertando o interesse dos estudantes.

Segundo a Pró-reitora de Graduação da UEL, professora Marta Favaro, o 1º Encontro Integrado pretende criar um espaço institucional para articular as três áreas indissociáveis da Universidade - ensino, pesquisa e extensão. Para o reitor Sérgio Carvalho, esse 1º Encontro representa um esforço para capacitar estudantes para a atividade de pesquisa, para o mercado de trabalho e para atender as diversas demandas da sociedade. Dessa forma, salienta o reitor, o encontro valoriza a necessidade de oferecer essa formação sólida, obedecendo o conceito que sustenta o ensino superior de produção de ensino, pesquisa e extensão.

O 1º Encontro Integrado prossegue até esta sexta (25) com programação diversificada sob coordenação das Pró-Reitorias de Graduação (PROGRAD); Pesquisa e Pós-Graduação (PROPPG) e de Extensão, Cultura e Sociedade (PROEX). Fazem parte da grade oficial o 1º Pró-Ensino: Mostra Anual de Atividades de Ensino, 28º EAIC: Encontro Anual de Iniciação Científica, além do 2º Encontro Anual de Extensão Universitária e o VIII Simpósio de Extensão da UEL "POR EXTENSO".

1º Encontro Integrado divulga ações de pesquisa, ensino e extensão 25 de out de 2019 09:46:29


Professor Daniel Pansarelli, da Universidade Federal do ABC, falou sobre os Caminhos para a indissociabilidade do ensino, pesquisa e extensão

Agência UEL - 24/10/2019

"Não conseguimos enxergar a universidade sem a pesquisa, o ensino e a extensão. Temos o desafio de construir o conhecimento integrado nesses três pilares. A universidade é um fenômeno social, que surge quando o povo acredita e sente necessidade de produzir conhecimento. A UEL é fruto desse movimento e não vão nos fazer desistir". A afirmação é do reitor da Universidade Estadual de Londrina (UEL), professor Sérgio Carvalho, durante a abertura do 1º Encontro Integrado de Ensino, Pesquisa e Extensão, realizada ontem (23), à noite.

O Encontro reúne, em um mesmo evento, o 28º Encontro Anual de Iniciação Científica (EAIC), o 8º Simpósio de Extensão da UEL - Por Extenso, o 2º Encontro Anual de Extensão Universitária e o I Pró-Ensino - Mostra Anual de Atividades de Ensino. O 1º Encontro Integrado tem patrocínio do Governo do Estado, por meio da Fundação Araucária e do Governo Federal, por meio do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq).

A abertura do Integrado contou, também, com a presença da professora Marta Fávaro, pró-reitora de Graduação; da professora Mara Dellaroza, pró-reitora de Extensão, Cultura e Sociedade; e do professor Arthur Mesas, pró-reitor em exercício de Pesquisa e Pós-Graduação. Após a cerimônia de abertura, o professor Daniel Pansarelli, da Universidade Federal do ABC falou sobre os "Caminhos para a indissociabilidade do ensino, pesquisa e extensão". Ele foi pró-reitor de Extensão e Cultura da universidade do ABC entre os anos 2014 e 2018.

Pansarelli, durante a palestra, abordou a construção da identidade da universidade brasileira, considerando o contexto histórico do país. Para entender os desafios atuais da universidade, ele recorre à história. No Brasil, a formação superior começa com os primeiros colégios jesuítas por volta de 1550. Esse modelo persiste por 200 anos, até por volta de 1750, com a reforma promovida por Marquês de Pombal.

O Encontro Integrado termina nesta sexta-feira (25)

Segundo Pansarelli, com a chegada da família real portuguesa em 1808, o ensino superior assume um caráter tecnicista. "Médicos, por exemplo, continuavam a ser formados na Europa, mas a mão de obra da enfermagem passava a ser estruturada no Brasil. Isso ocorre também em outras áreas". O modelo técnico percorre todo o século XIX e somente no século XX, nos anos 1930, o ensino superior se estrutura no Brasil, como a universidade é conhecida atualmente. Ele considera esse processo tardio, se comparado a universidades que surgem, muito antes, em países como o México e outros da América do Sul

Esse modelo de universidade, conforme o professor, pensa o ensino de forma tradicional, que usa a sala de aula e os laboratórios de forma estritamente disciplinar, com pouca inovação. A pesquisa é pautada por valores desenvolvimentistas defendidos pelas Forças Armadas e a extensão, como aquilo que não se encaixa no ensino e na pesquisa, com atividades internas e de formação de servidores. "Esse modelo de universidade é resultado de experiência histórica 'consolidado' durante os regimes ditatoriais do século XX", afirma o professor.

Pansarelli afirma que o desafio, portanto, é repensar a universidade a partir do público que não estava inserido no projeto original de universidade, criada no século XX. "A universidade foi pensada de uns poucos para poucos. Estamos construindo uma universidade nova", afirma ele. Essa nova universidade passa pela inclusão e a facilitação do acesso no começo do século XXI. Em 2000, havia 7% dos jovens entre 18 e 24 anos na universidade. Em 2010, esse percentual passou para 14% dessa faixa etária, passando a incluir segmentos que antes não ingressavam no ensino superior.

"O ensino, a pesquisa e a extensão são, por natureza, indissociáveis e é no contexto dessa nova instituição que temos de pensar nossa atuação. O projeto de universidade, pensado nos anos 1930, funcionou muito bem, mas qual é o projeto de universidade hoje para o Brasil? Precisamos superar o modelo que foi pensado no passado e quem vai fazer isso senão nós mesmos?", provocou o professor Pansarelli.

Resultado dos Recursos Interpostos ao Resultado da Seleção para Mobilidade Acadêmica Internacional 2 22 de out de 2019 16:47:54


Edital Prograd/Ari 13/2019 - Torna público o resultado final da análise dos recursos interpostos ao resultado da seleção realizada pela Prograd e ARI, de acordo com o disposto no Edital Prograd/ARI nº 11/2019, cujo resultado foi publicado no Edital Prograd/ARI nº 12/2019

1º EI - Programação 22 de out de 2019 13:56:58



Confira a Programação do 1º Encontro Integrado da Universidade Estadual de Londrina.


Acesse por aqui: www.uel.br/eventos/eiuel.

Estudantes participam do Encontro Integrado com foco no Ensino, Pesquisa e Extensão 22 de out de 2019 13:41:18




Agência UEL - 22/10/2019


Estudantes de graduação e pós-graduação participam a partir desta quarta-feira (23) do 1º Encontro Integrado da Universidade Estadual de Londrina (1º EI-UEL). O objetivo é divulgar atividades, projetos e programas acadêmicos de Ensino, Pesquisa e Extensão. Estas atividades fortalecem a indissociabilidade do tripé acadêmico na formação dos futuros profissionais. O encontro prossegue até sexta-feira (25) com programação diversificada sob coordenação das Pró-Reitorias de Graduação (Prograd); Pesquisa e Pós-Graduação (Proppg) e de Extensão, Cultura e Sociedade (Proex).

A abertura oficial está marcada para as 19 horas, quarta-feira (23), no Anfiteatro Cyro Grossi, no Centro de Ciências Biológicas (CCB), seguida de conferência com o professor Daniel Pansarelli, da Universidade Federal do ABC-SP, filósofo, doutor em Educação, com trabalhos relacionados aos temas ética e filosofia política. O professor coordenou o Colégio de Extensão (COEX) da Andifes (2016-2018) e foi presidente nacional do Fórum de Pró-Reitores de Extensão das Universidades Públicas Brasileiras (Forproex) entre 2017 e 2018.

Este primeiro Encontro Integrado contará com atividades relacionadas ao tripé Ensino, Pesquisa e Extensão, incluindo na grade oficial o 1º Pró-Ensino: Mostra Anual de Atividades de Ensino, 28º EAIC: Encontro Anual de Iniciação Científica, além do II Encontro Anual de Extensão Universitária e o VIII Simpósio de Extensão da UEL "POR EXTENSO".

O evento oferecerá 45 oficinas gratuitas, com certificação, no dia 24 de outubro. As atividades abordam assuntos diversos, de interesse dos estudantes de graduação e de pós-graduação. Entre os temas que serão abordados estão Educação Financeira, Inglês com propósito acadêmico, Performance Musical Comentada, Empreendedorismo, Vivência Empresarial e outros.

Segundo o reitor Sérgio Carvalho, o I Encontro Integrado representa um esforço da Universidade para melhorar a formação dos estudantes, capacitando-os para a atividade de pesquisa, mercado de trabalho e para atender as diversas demandas da sociedade. Dessa forma, salienta o reitor, o encontro valoriza a necessidade de oferecer essa formação sólida, obedecendo o conceito que sustenta o ensino superior de produção de ensino, pesquisa e extensão.

"Entendemos que se trata de uma atividade acadêmica fundamental. Desejamos que nossos estudantes compreendam a sua atuação profissional a partir do tripé ensino, pesquisa e extensão. A sociedade deseja profissionais completos, baseados neste tripé", destacou. Ainda de acordo com o reitor, a programação será interativa, oferecendo as mais variadas atividades que se realizarão em um mesmo espaço.

Graduação - A Pró-reitora de Graduação da UEL, professora Marta Favaro, explica que o 1º Encontro Integrado pretende criar um espaço institucional para articular as três áreas indissociáveis da Universidade - ensino, pesquisa e extensão. Ela acrescenta que o 1º Pró-Ensino: Mostra Anual de Atividades de Ensino conta com 218 trabalhos e 361 inscritos, sendo que os professores que coordenam os projetos também poderão participar.

Ela chama a atenção para as 45 oficinas previstas para esta quinta-feira, que oferecem a possibilidade dos participantes terem informações sobre várias áreas do conhecimento. No mesmo dia os grupos Pet da UEL, dos cursos de Zootecnia, Educação Física, Matemática, Física e Geografia coordenarão diversas atividades. Haverá também programação em tendas montadas no estacionamento entre o Centro de Estudos Sociais Aplicados (CESA) e o Centro de Ciências Humanas (CCH). Lá estarão os integrantes das 14 Empresas Juniores da UEL que também participarão de debates e de aulas magnas sobre temas diversos.

Extensão - Para a Pró-reitora de Extensão, professora Mara Solange Gomes Dellaroza, o 1º Encontro Integrado será uma oportunidade para estudantes e professores que coordenam projetos relatarem e debaterem a atividade, proporcionando troca de informações e experiências. Segundo ela, estão inscritos cerca de 400 extensionistas, que apresentarão 280 trabalhos. "Será uma vitrine do impacto que todos os projetos e programas de extensão provocam na sociedade", enumera a pró-reitora. Além de divulgar os projetos, o 1º encontro vai permitir que estudantes que atuam em outras áreas, além da própria comunidade, conheçam melhor os serviços prestados pela Universidade.

Ela chama a atenção para o dia 24, quando será realizado o VIII Simpósio de Extensão da UEL "POR EXTENSO". As atividades terão início a partir das 8 horas, nas salas do Centro de Educação, Comunicação e Artes (CECA), com relatos dos bolsistas sobre as atividades. As apresentações serão abertas. Ainda na quinta-feira de manhã ocorrerá no Anfiteatro do CESA o II Encontro de Extensão da UEL com o Painel: "Inovação na Extensão: caminhos para ações transformadoras", tendo como apresentadores o professor Daniel Pansarelli, da Universidade Federal do ABC e o economista Daniel Gonzalez, Fundador do Hub Social de Belo Horizonte.

Por fim, a Pró-reitora explica que a extensão universitária representa uma ferramenta fundamental para a graduação. "É uma pré-atuação profissional do estudante, que além de praticar, pode conhecer a realidade, influenciando positivamente a sua formação. Um aprendizado que posteriormente será levado para a profissão", afirma ela.

Pesquisa - Simultaneamente ao 1º Encontro Integrado, a Pró-reitoria de Pesquisa e Pós-graduação (PROPPG) realiza o 28º Encontro de Iniciação Científica (EAIC) que vai reunir 651 estudantes bolsistas do CNPq e de Iniciação Científica Júnior da UEL, UEM, Unifil e Unopar. Os participantes apresentarão trabalhos em oito áreas específicas (Humanas, Saúde, Agrárias, Biológicas, Sociais Aplicadas, Exatas e da Terra, Linguística, Letras e Artes e Engenharias).

Segundo o Pró-reitor, Amauri Alfieri, as apresentações serão nesta quinta-feira, a partir das 8h30. Os participantes podem conferir o ensalamento no endereço www.uel.br/eventos/eaic/eaic2019/?op=ensalamento.

Na sexta-feira está prevista palestra sobre Texto Científico com o professor Vladmir Moreira, do Departamento de Letras Vernáculas e Clássicas, a partir das 8h30, no Labesc. Logo após haverá uma mesa-redonda com ex-alunos de Iniciação Científica da UEL. Eles vão narrar experiências no início da vida acadêmica. Participam do debate a pedagoga, Anieli Sandaniel, o biólogo Henrique Rocha e o engenheiro eletricista, Maurício Moreira. As atividades do encontro terminam com reunião do Comitê Avaliador do EAIC, formado por pesquisadores do CNPq.

Ainda de acordo com o Pró-reitor de Pesquisa e Pós-graduação, o encontro integrado é uma atividade importante para fortalecer as três áreas de pesquisa, ensino e extensão da Universidade, consolidando a formação dos estudantes.

A programação completa está disponível neste endereço: https://drive.google.com/file/d/17alOMb3WAyEO1Nq7eYBS-ghlwL7RCBtI/view?usp=sharing.

Acesse também a página do 1º Encontro Integrado Integrado: www.uel.br/eventos/eiuel.
Para mais notícias visite o blog da PROGRAD - Pró-Reitoria de Graduação.
Sessão Encerrada!
Clique no botão abaixo ou recarregue a página para entrar novamente!